A Dificuldade Continua

A Dificuldade Continua 1

A unidade familiar voltou a ser o tesouro mais bem guardado de diversos casais espanhóis que com a instabilidade económica, optaram por não mudar nem sequer de moradia nem sequer de estado civil. Assim o confirmam os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) atos públicos de ontem, em que pelo terceiro ano consecutivo, percebe-se uma considerável queda no número de casamentos desfeitos.

os cursos de orientação familiar, por onde passam mais de 3.000 pares por ano, Cubillo verifica-se uma aflição ainda mais crescente dos cônjuges por tudo o que necessita visualizar com o amor de casal. “Há 10 anos —aponta— estavam interessados em como educar melhor os filhos ou tratar algum dificuldade de jeito, no entanto nos últimos anos tem se multiplicado por 3, o interesse por cultivar a conexão de casal”.

A decadência, todavia, não é a única razão do freio dos divórcios. Um local cultural que valoriza cada vez mais a estabilidade familiar também está ajudando a cortar essa imagem do divórcio como a panacéia de soluções para os conflitos do casal. Apesar dos bons fatos revelados pelo INE, o presidente do Instituto Internacional de Estudos a respeito da Família-The Family Watch, Ignacio Socías, alertou que os números “são incompletas” e podem atrair a uma conclusão errada.

Segundo explicou, “não temos o dado de quantos casamentos ocorreram entre 1993 e 1994, que foi quando se celebraram os casamentos de pessoas que se divorciaram no ano anterior.” “Com conexão a essa figura o “, perguntou o advogado, que, além do mais, assegurou que “se o número de divórcios depende de alguns euros, qualquer coisa muito primordial esta falhando pela comunidade”.

  • Kim Kardashian se casou duas vezes “às cegas”
  • 2 Carreira 2.Um Primeiros anos de carreira
  • Se a tristeza pode mais…
  • ¿¡¡E DE QUEM É a Culpa

Os detalhes do INE, refletem uma queda em relação ao ano passado. À primeira vista, parece um excelente ponto. Entretanto, com uma observação mais profundo não é em tão alto grau. É, dado que, o principal dificuldade das famílias espanholas e, portanto, da nação.

nos últimos dez anos, a população separada ou divorciada cresceu 146% e agora são 1,setenta e seis milhares de pessoas. E em frente a ele, só se ouve regularmente a desalegre estatística. Enquanto isto, nem sequer o governo nem a oposição fazem uma única proposta ou iniciativa para cessar com esta terrível flagelo social.

Acompanhada por duas de suas tias, Bernadette procurou o pároco, padre Dominique Peyramale, com o pedido. Peyramale era um homem inteligente, que não acreditava em visões e milagres. “Mas, em honra de quem?” perguntaram-lhe os prelados a quem Bernadette referiu o colóquio.

A revelação ocorreu depois de mais de uma hora, no decorrer da qual teve espaço o segundo dos chamados “milagre do círio”. Bernadette segurava uma vela ignição; ao longo da visão, o círio foi consumido e a chama teria entrado em contato direto com sua pele por mais de quinze minutos, sem que houvesse nela nenhum sinal de dor ou prejuízo tecidual. Foram testemunhas disso algumas pessoas, entre elas, o médico da cidade, Dr. Pierre Romaine Dozous, que tomou o tempo e depois o número.